Amostras

Biblioteca de pontos: A sua fonte de inspiração

Olá, crocheteiras!  Hoje vamos conversar sobre um assunto muito importante dentro do Universo das artes manuais: as amostras!  

Muita gente ainda não entende os benefícios que fazer uma amostra trazem para o seu trabalho, ou acham que é perda de tempo ou, simplesmente, não conhecem essa técnica essencial.  

Por isso, queremos te contar tudo sobre as amostras e o nosso projeto especial que está acontecendo aqui na Escola de Artes Manuais.  

Para entender na prática, preste atenção nas imagens abaixo. Muita gente acha que a nossa artista Anne simplesmente pega sua agulha e seu fio e começa a criar de uma vez o que estava pensando. E que logo de cara o resultado alcançado são peças maravilhosas. Mas, não é bem assim…   

processo de criação consiste em idealizar uma peça, pensar em qual será a combinação de pontos, o fio que dará o melhor caimento, a harmonia de cores, entre outras tantas variáveis.  

MAS, se tudo isso estiver apenas na cabeça, como saber se essa ideia funcionará na prática? Como saber, antes mesmo de começar, se o resultado ficaria como os das imagens?  

É simples, na verdade. E é aí que entram as amostras!  

Precisamos fazer um teste de tudo isso, para saber se a nossa ideia realmente terá um bom resultado ou se mudanças precisam ser feitas.  

Como fazer amostras

Basta pegar a agulha e o fio que pretende utilizar na peça e fazer um teste do trabalho. Faça, no mínimo, 10 carreiras com a combinação de pontos que escolheu.  

Assim, poderá observar de forma prática e real, como ficaria a sua peça. Desde como será aquela combinação de pontos juntos, se o caimento com o fio escolhido ficará bom para a finalidade da sua peça, se a combinação de cores deu certo mesmo e assim por diante.  

Assim, podemos olhar para o conjunto inteiro e  ter certeza se ficará como estávamos imaginando ou se precisamos repensar algum detalhe.  

O tamanho da sua amostra vai variar, pois vai depender de todas essas questões, você precisa fazer de um tamanho suficiente para observar tudo o que precisa. Mas, indicamos no mínimo 10 carreiras, pois menos que isso a amostra ficará muito pequena.  

Benefícios das amostras

Você ganha tempo!  

Muita gente pensa que é perda de tempo, mas não podem estar mais enganados.  

Não trabalhar com amostras faz com que você trabalhe com base na sorte. E, não sei vocês, mas por aqui preferimos não depender da sorte.  

Pense bem, ao idealizar uma peça ou seguir uma receita sem testar antes, você corre o risco de chegar no meio ou final da criação e simplesmente não gostar do resultado. Às vezes o fio ficou duro demais para uma vestimenta. Em outras, a combinação daquelas cores não ficou tão agradável ou você pode perceber que os pontos poderiam ser trocados por outros para um resultado melhor.  

Você não tinha como saber que, na prática, a ideia não ficaria como imaginava. E agora, infelizmente, terá que desmanchar o trabalho inteiro e começar novamente.  

Por isso, com uma amostra, em 15 minutinhos, você evita que tudo isso possa acontecer.  

Calculadora de amostras  

Com a amostra da sua nova peça em mãos, você consegue descobrir exatamente quantos pontos e qual a quantidade de fio precisará utilizar na peça inteira.  

A nossa calculadora facilita muito o nosso trabalho, mas precisa da amostra para conseguir calcular.  

Não deixe de favoritar aí o link da nossa calculadora de amostras, pois ela vai te salvar em futuras criações!  

Caderno de amostras 

Outro benefício de criar uma amostra é que ela não servirá apenas para visualizar aquela peça. Você não precisa desmanchar tudo, como se elas nunca nem tivessem existido.  

Uma dica muito legal é criar o seu próprio caderno de amostras! Assim, você reúne todas as ideias das suas criações num único lugar e pode voltar nelas e consultar sempre que precisar.  

Um verdadeiro caderno de inspirações e de testes. Vai fazer uma peça nova com uma combinação de pontos e não sabe como ficariam? Consulte o seu caderno porque pode já ter essa combinação ali!  

Não sabe quais cores ou fios utilizar para o seu novo tapete? Consulte o caderno de amostras para checar alguns exemplos que já fez!  

Simplesmente não sabe que peça fazer agora? Dá uma olhadinha no seu caderno que a inspiração pode vir dali!  

Isso é incrível demais gente. Além de ajudar na criação daquela peça do momento, é o seu caderno de ideias e exemplos para todos os momentos. Uma mão na roda!  

É a melhor forma de aprender!  

Quando descobrimos um ponto novo, a melhor forma de realmente aprender a fazê-lo é criando uma amostra e guardando no seu caderno.  

Assim, você treina realmente na prática como fazer cada ponto e fica muito mais difícil esquecer esse novo conhecimento. Além disso, estará guardadinho no seu caderno, para utilizar em uma criação futura sempre que quiser.  

É o treino perfeito para iniciantes   

As nossas queridas amostras são necessárias para todo mundo que crocheta. Agora, para iniciantes, elas têm ainda outra função: a de treinar e aprender pontos.  

Quando estamos começando, temos dificuldades nos pontos básicos, até pegarmos exatamente como fazer perfeitamente cada um deles. E depois surgem novos desafios como conhecer e treinar diferentes variações de pontos.  

E aqui entram as amostras novamente! Pois a melhor forma de aprender os pontos básicos e essas variações é criando amostras. 

Biblioteca de pontos da EAM 

E, é por conta de tudo isso, que a Anne está fazendo junto com vocês a nossa “Biblioteca de pontos”!!! 

Assim podemos:  

  1. Aprender a fazer amostras;  
  2. Conhecer várias combinações de pontos maravilhosas;  
  3. Criar o nosso próprio caderno de amostras.  

Mesmo que você não vá fazer nenhuma peça agora com as combinações dessas amostras, na hora em que for fazer uma peça já terá em mãos diversos exemplos do que pode criar.  

Sempre que aprender um ponto diferente, faça uma amostrinha e guarde. Ao fazer uma peça nova, faça uma amostra antes e guarde.  

Sempre que assistir uma aula de amostra, aplique o que aprendeu e coloque no seu caderno.  

Como diz o nome é uma biblioteca, o local onde vamos guardar a nossa coleção de possibilidades para aplicações futuras.  

Para isso, a Anne está sempre mostrando pra gente como criar uma amostra diferente, usando diversas combinações de pontos para chegar a resultados encantadores e que podem ser utilizados em inúmeras peças.  

Por enquanto, já temos 3 vídeos para a nossa biblioteca, não deixe de dar uma olhada e construir o seu caderno de amostras junto com a gente! 

Já pega os restinhos de fios que tem por aí e acesse aqui para descobrir como fazer as suas!  

Ah, e não deixe de ficar de olho nas nossas redes sociais, para ficar por dentro de todas as novas amostras. Queremos ver o caderninho de todo mundo crescendo junto! 😍

Instagram I Facebook I Youtube 

Conta pra gente, está gostando de fazer o seu caderno de amostras? Se ainda não começou, está animada?  

Grande beijo e até semana que vem!  

Divulgue esse Artigo

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

14 comentários em “Biblioteca de pontos: A sua fonte de inspiração”

  1. Eufrasia Maria Polleti Bettini

    Estou animada mas ansiosa! Não tenho muito tempo e fica tudo acumulado para o final de semana. Mas a partir desta segunda-feira vou deixar a noite pra fazer minhas amostras e meus crochês!

    1. Escola Artes Manuais

      Olá, Eufrasia!

      O bom do curso online é que você pode fazer no seu próprio tempo e respeitar seu processo de aprendizado!

      Você não está atrasada, tá bem? Fique tranquila e treine quando tiver tempo e atenção. ❤

      Qualquer dúvida, estamos à disposição!

    1. Escola Artes Manuais

      Que bom que gostou, Luiza! ❤

      Continue nos acompanhando e conte com a gente na sua jornada pela arte do crochê.

  2. Ana Lídia Pereira Martins dos Santos

    Eu amei essas aulas de crochê tem mim beneficiado bastante obrigada pela responsalve desse site tem cido maravilho assistir os vídeos com com esses detalhes tão lindo obrigada mais uma vez

    1. Escola Artes Manuais

      Olá, Ana Lídia!

      Que bom que está gostando. ❤

      Nossa intenção é ampliar o conhecimento das artes manuais pelo mundo todo.

      Um super beijo!

  3. Eu preciso parabenizar a Anne Galante, simplesmente amando cada dica incrível. Já assisti varias professoras ensinando crochê a anos, mas só agora aprendi como se forma multiplo de algum ponto, para mim era um mistério. Gratidão. Biblioteca, ah carderno de amostras, simplesmente incrível vou fazer.

  4. ANALICE BERNARDES DOS SANTOS AMARO

    Nossa! nem sabia que poderia fazer este caderno, e nunca tinha ouvido falar da “calculadora de amostras” Arrasou!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Post Recentes